Translate

21 março, 2016

A MENINA E O PORQUINHO (II Versão)

Alexander Sokht
Maria era uma menina curiosa que adorava o seu porquinho. Ainda quando menina recebeu de uma tia distante uma mala repleta de lindas roupas - que ficaram guardadas à espera de que a menina crescesse. Eram roupas de todos os tipos: casacos de lã, blusas coloridas, saias estampadas, calças listradas, luvas de fina renda, chapéus enormes, meias de bolinha e até lenços de seda. A mala tornou-se o sonho da menina. Sempre que se sentia triste corria para experimentar cada uma das roupas – na esperança de que alguma servisse! Sonhava com o dia em que desfilaria com o lindo vestido ou exibiria as lindas luvas de renda. O tempo passou e Maria cresceu. Finalmente, numa tarde chuvosa de domingo, o vestido lhe serviu como uma luva, porém, ela já estava grande demais para se encantar com a delicadeza das rendas ou com as cores do vestido já desbotado. Ela então esqueceu a mala e enterrou o seu porquinho. As roupas ainda eram as mesmas, no entanto, a menina já não era mais menina.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...